Claudia,

Tão cedo nos deixastes!

A saudade ainda esmaga nossos corações,

e nos deixa a sensação de que poderíamos ter feito algo.

Mas a vida é assim: nos envolve, nos mastiga, nos digere,

e só trágicos acontecimentos nos fazem emergir. E já é tarde.

Temos que viver com isso, é o mal dos nossos tempos.

Quizera aprendêssemos as lições que apontastes em Anyê,

que tão sabiamente soubestes caracterizar:

:

Homenagem dos companheiros do Centro de Intercâmbio Cultural Martí Popular.

Voltar